Ser RAGAZZA é ser alegre, divertida e bem-disposta. Ser RAGAZZA é gostar de sonhar, de imaginar, de fantasiar. Ser RAGAZZA é arriscar, lutar pelos sonhos, reconhecer os erros. Ser RAGAZZA é explorar, descobrir, perguntar. Ser RAGAZZA é esquecer tabus e gostar de viver! Por isso, revela a RAGAZZA que há em ti...

domingo, agosto 05, 2007

Geração "à rasca"?



Em tempos que já lá vão, muitas vozes se levantaram contra a tão controversa "geração rasca". Mas como dizia Camões, mudam-se os tempos, mudam-se as vontades, e a nova geração também mudou... Para o bem e para o mal, as exigências são cada vez mais, e o Mundo está aberto a todas as novidades e a movimentos de qualquer ordem. Será que os pais têm sabido acompanhar todas estas mudanças? Qual o papel que têm tido na educação desta nova geração? E que esforços é que devem ser feitos para que corra tudo sob rodas? Como sabes, para nós, a tua opinião é o mais importante! Por isso, escreve...

16 Comments:

At segunda-feira, 06 agosto, 2007, Anonymous Anónimo said...

Os pais deviam preocupar-se mais em ouvir os filhos... só que estão, muitas vezes, ocupados demais para isso!

 
At segunda-feira, 06 agosto, 2007, Anonymous CatarinaFonsec@ said...

Há pais que não conhecem os filhos que têm... não sabem os seus gostos, as suas disciplinas preferidas, os amigos que têm... isso é que é triste! :(

 
At segunda-feira, 06 agosto, 2007, Anonymous Anónimo said...

eu axo k o pior defeito dos meus pais e quererem que eu seja exactamente igual a eles e esquecem-se que nao estamos nos anos 60 eles nunca aceitam a minha opiniao

 
At segunda-feira, 06 agosto, 2007, Anonymous Sofia said...

concordo plenamente... a maioria dos pais já se esquecem do que é ser jovem e fazem as mesmas coisas que os pais deles lhes faziam quando eles eram mais novos. por mt k as coisas tenham mudado com o tempo (e mudaram mt) há certas coisas k continuam iguais: os pais tentam proteger-nos, decidir por nós, não nos ouvem, não querem realmente conhecer-nos... é muito triste!

 
At terça-feira, 07 agosto, 2007, Anonymous Anónimo said...

N vejo issso nos meus pais
Axo k cada familia é diferente....pois depend das geraçoes
N vejo isso tao negativo hoj em dia...mas tbm é verdd k os pais sao spr os ultmios a saber kd n conhecem assim tao bem dos filhos...enfimm

 
At terça-feira, 07 agosto, 2007, Anonymous Catia said...

É verdade e o nosso poeta tem absoluta razão, mas na maioria das vezes não é isso que acontece, mudam-se os tempos e as velhas vontades continuam, a verdade é que temos de compreender essas vontades e as nossas, da nossa geração, são por vezes mal recebidas.

 
At quarta-feira, 08 agosto, 2007, Blogger The Stiletto Effect said...

Depende de família para família e de pais para pais!

 
At quarta-feira, 08 agosto, 2007, Anonymous Mary * said...

Depende de familia p familia, de pais p pais ... No entanto, ainda existem muito aqueles pais que não sabem nada dos filhos, não sabem os seus gostos, e não aceitam as suas opiniões .
Não é por falta de interesse, na verdade, as vezes questiono-me porque é que não se interessam mais em saber os nossos gostos, as nossas preferências, etc ...
Para além do mais, não aceitam as nossas vontades e opiniões, sao antiquados.
Enfim, sofro desse mal :|


Beijinho ragazzas *

 
At quarta-feira, 08 agosto, 2007, Anonymous rute said...

eu tb sofro do mm mal, mas axo k o principal problema dos pais (pelo menos dos meus) n é n se interessarem mas sim n OUVIREM.
de k adianta k eles nos perguntem como correu o exame de n sei k se n percebem k n tivemos cabeça p estudar pk tamos a sofrer um desgosto amoroso?
de k adianta quererem saber c kem vamos a uma festa se n percebem k tamos a escolher a roupa c extra cuidado pk a ex do nosso namorado tb vai?
no prox natal vou oferecer aos meus pais um aparelho auditivo à prova de corações de adolescentes...

 
At segunda-feira, 13 agosto, 2007, Anonymous Anónimo said...

Eu acho que o problema é que os pais querem sempre proteger os filhos ao máximo e esquecem-se que tambem ja foram jovens e que já passaram por fases semelhantes às nossas. Mas tal como disse antes como querem proteger os filhos censuram-nos e não os compreendem. Acho que entre mim e os meus pais o principal problema é a falta de comunicação...ha muitos assuntos que eu nao me sinto a vontade para falar com os meus pais e que sei que se falasse provavelmente os deixaria em estado de choque...
Os pais criam sempre uma imagem perfeita dos filhos mas eles não o são...e triste mas e..e e assim que se criam barreiras entre pais e filhos porque muitas vezes e impossivel manter uma relação aberta...e isto claro aliado a facto de os pais terem uma mentalidade diferente porque como e obvio os tempos mudaram muitas coisas estao diferentes desde o tempo deles...

 
At terça-feira, 21 agosto, 2007, Anonymous Anónimo said...

Acho que no geral os pais estao a fazer os posiveis para acompanharos filhos e tudo, falo pelos meus pais que me ajudam em tudo, mas muitas vezes nao compreendem as nossas 'novidades' por assim dizer, coisas como hi5, messenger e etc sao novidades para eles . Mas isso depende dos feitios das pessoas, ha quem aceite, no meu caso aceitam, e outros passa-lhes ao lado podedo cegr a proibir os filhos, para mim isso é injusto .

 
At sábado, 25 agosto, 2007, Anonymous Maria Jo�o said...

Existem pais que acompanham demasiado os filhos, existem os pais que lhes dao liberdade demais e existem os pais perfeitos!
Acho que os meus se encaixam na categoria de pefeitos... Dao.me a liberdade que necessito mas nao em demasia!

A verdade e' que vivemos numa gera�ao rasca. Onde as pessoas so' ligam a' aparencia exterior; onde muita gente se preocupa com uma borbulha, uma estria, com uma unha partida (coisas minimas que chegam a ser insiginificantes); onde so' se diz mal das pessoas nas costas e onde todo o mundo esta' interessado em ter o ultimo telemovel que saiu para o mercado, ou comprar aquelas sapatilhas com que toda a gente anda.
Acho que ninguem se deveria reflectir em ninguem para tentar ser melhor. Para sermos os melhores basta sermos nos proprios! E se a maior parte pensasse e agisse assim, nao viveriamos numa sociedade tao futil.

 
At sexta-feira, 28 setembro, 2007, Anonymous Anónimo said...

Pois, realmente mete pena ver que os nossos pais não nos conhecem realmente, ás vezes não falamos muito com eles por termos receio de ser censurados e incompreendidos, que é o que acaba por acontecer a maioria da vezes infelizmente.

Os nossos pais deviam saber ouvir melhor os nossos problemas, as nossas alegrias, tentar compreender que não podemos ser iguais a eles, porque ninguém é igual a ninguém e é isso que torna as pessoas interessantes!

Afinal eles também podem dizer e fazer tudo e nós não podemos discordar, deviamos tentar chegar a um concenso.

 
At domingo, 30 setembro, 2007, Blogger Rita said...

Há alguns pais que não se sentem a vontade de falar com os filhos sobre sexo. Depois quando sabem que a filha engravidou ou que o filhos vai ser pai ficam admirados e por vezes metem-nos fora de casa.

 
At domingo, 30 setembro, 2007, Blogger Rita said...

Há alguns pais que não se sentem a vontade de falar com os filhos sobre sexo. Depois quando sabem que a filha engravidou ou que o filhos vai ser pai ficam admirados e por vezes metem-nos fora de casa.

 
At domingo, 07 outubro, 2007, Blogger pink said...

EU AO CONTRARIO DE MUITA GENTE NAO ACHOM QUE AJA GERAÇAO RASCA PALO MENOS MEU NAO FAÇO PARTE DELA MAS HA QUEM SEJA ÇOR EXP OS DROGADOS,AS MAES SOLTEIRAS POIS C UM MUNDO TAO MODERNO PORQUE NAOM SERMOS INTELIGENTES???????????'NAO CUSTA NADA!
EU TIVE UMA OPTIMA EDUCAÇAO E AMO OA MEUS PAIA MAS A PEOPLE E PEOLPE...ENFIM CUIDEM-SE!

 

Enviar um comentário

<< Home